sexta-feira, outubro 05, 2012

O amanhã

Ao amor que um dia imaginei existir...Dele apenas faço as boas recordações que ainda me trazem a evidência de cada  partícula do sonho que vivi com alguém que me deu coragem para me despir de mim mesmo.Alguém que talvez tenha me vestido de palhaço mas que eternizou cada instante entre nós dois como se fosse o último.




 O amanhã

Você vai chegar
Como o sol atrevido
Me encher de energia
Exterminar minha tristeza
E me fazer tua alegria...
Vai me vestir de palhaço
Maquiar o meu rosto
E rir à vontade
Para espantar teu desgosto.
Você vai surgir no outono
Entrelaçado de cores
Me revelar o teu nome
E também os teus amores...
E quando você chegar
Vou estar desprevenido
Tentando meus versos rimar
Em contas de um choro contido.
Então você vai entrar
Sorrindo qual uma flor
Talvez depois me deixar
Sentindo um gosto de dor...


Tony Caroll.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.Ele será muito importante para nós.